O Conselho Mundial do Ouro disse, sexta-feira, que a recente queda nos preços do ouro foi impulsionada por especuladores nos mercados de futuros. “Durante a semana, ficou claro que a queda nos preços do ouro se deveu a movimentos especulativos de investidores que operam nos mercados de futuros”, disse Aram Shishmanian, presidente do Conselho Mundial do Ouro, num comunicado. ouro stockDepois de afirmar que as compras de ouro aumentaram ainda mais em mercados como a Índia, os EUA, a China, o Japão e a Europa, o presidente do Conselho Mundial do Ouro, disse que “os compradores estão a encarar isto como uma oportunidade para comprar ouro a preços nunca vistos neste último par de anos. Acrescentou ainda, que estamos já a assistir a uma escassez de barras e moedas no Dubai, enquanto os prémios na Índia estão em 26 dólares por onça e em 6 dólares em Xangai, indicando que os compradores estão dispostos a pagar mais do que o preço spot atual para o metal – ouro.

Ron Paul foi questionado sobre a recente queda no preço do ouro e afirmou: “É um fenômeno de mercado que não é incomum. Lembrou que logo após a legalização do ouro em 1975, no verão de 1976, o preço do ouro disparou de 35 a 200 dólares! e posteriormente perdeu 50 por cento. Os mercados são por natureza erráticos. 

Outros especialistas afirmam que podemos assistir a novas descidas. Durante as duas primeiras semanas de abril, uma série de bancos de investimento como o Deutsche Bank, Goldman Sachs, Société Générale e Barclays reduziram a sua previsão de preços para o ouro. Desde o pico alcançado em setembro de 2011 o preço do ouro perdeu 31 por cento. Muitos investidores interrogam-se se não terá sido atingido o fim de um mercado “touro”, que durou mais de uma década. Ou se, pelo contrário, é um bom ponto de entrada para investir. 

Houve grandes mudanças no mercado do ouro. A proporção do mundo que se dedica à produção de jóias, desde 2003, caiu de 80 para 50 por cento, enquanto a procura de ouro para investimento aumentou de 10 para cerca de 30 por cento. O mercado do ouro continua a ser um dos mais complexos e opacos do mundo. Nenhum dos dados disponíveis publicamente pode justificar tais movimentos de preços, incríveis, que temos visto recentemente.